7 de janeiro de 2015

Xamânismo, Lugar Sagrado



Hoje quero falar aqui com você sobre os lugares sagrados e também sobre o aqui e agora, focar realmente no aqui agora,  nos faz perceber que temos a oportunidade de sentir, ver e ouvir a beleza que está no mundo e através dessa beleza crescermos como indivíduos.   Para os  índios, a beleza os circunda, e eles sintetizam isso em uma oração. Não é um comentário sobre a paisagem ou sobre o que está nela, mas sobre a harmonia e equilíbrio de todas as coisas entre elas, o individuo dando voz a oração. É um pedido para manter o equilíbrio, tanto interiormente quanto no mundo lá fora. A espiritualidade dos índios é dedicada a manter esse equilíbrio, de modo que todos sigam pelo caminho da beleza.
 Oração navajo
  Com a beleza antes de mim, que eu ande.
  Com a beleza atrás de mim, que eu ande.
  Com a beleza acima de mim, que eu ande.
 Com a beleza abaixo de mim,  que eu ande.
 Uma beleza ao redor de mim, que eu ande.

 Para que possamos sentir realmente essa beleza, e a perceber ao nosso redor, é necessário um foco no presente deixando de lado as mágoas do passado as projeções de futuro.  Viver no agora traz toda a nossa força espiritual, mental e física para o momento presente, assim conseguindo conectar se realmente a tudo que está à nossa volta, podemos sentir a beleza.
 Para se trabalhar com lugares de poder precisamos antes ter uma noção de tempo e espaço . Como Xamãs  conseguimos nos  deslocar no espaço tempo, assim conseguindo fluir na rede da vida, é possível conectar se a rede da vida de qualquer lugar desde que o foco esteja no agora. Para os antigos maias da América central, o tempo é circular, um ciclo de eventos que se repete infinitamente. O tempo não se prolonga indefinidamente, mas retorna a si mesmo.
Um Xamã pode trabalhar fora do tempo, e assim se deslocar para o passado e para o futuro. O tempo para um xamã pode ser conectado a qualquer momento não importa se está distante o passado ou no futuro, e por este motivo não a hora certa ou errada para se iniciar no xamanismo. Deve se olhar ao redor mais uma vez, e reconhecer que se está conectado a tudo que se vê e aquilo que está fora do alcance da visão. Tudo o que é necessário para começar está ao alcance, então a sua jornada começa.

Peregrinação
 Levando apenas uma ferramenta para cavar, o jovem aborígine deixa sua zona de conforto e adentra determinado as terras vermelhas do deserto australiano. Sem mapa nem bússola, nem provisões para jornada, relevância ouvir canto de seus ancestrais. Apenas pelos sussurros que lhe  chegam com os ventos é que sabe que está na rota certa.

 Receber a mensagem que o seu coração envia é a melhor forma para crescer no xamanismo afinal, a sua ancestralidade se comunica com você através de seu coração. Para poder peregrinar e viajar para outros mundos existe uma necessidade de preparo, em todo momento é necessário um pequeno ritual para que você condicione qual seu objetivo. É importante que você simbolize a transição do mundano ao sagrado e prepare se para as transformações que venham a ocorrer durante a viagem.

 Local sagrado
 O local sagrado é um local onde você sinta a força da sua ancestralidade, pode ser um local físico como um templo ou pode ser local energético no próprio mundo xamânico, o importante é que este local te traga segurança, força e poder. Sempre quando for se dirigir ao local sagrado faça um pequeno ritual antes, para que seu corpo, mente e espírito, posso estar em harmonia com seu objetivo. Afinal ao ir a um local sagrado você está buscando por sua força e por sua espiritualidade. Existem também os locais sagrados criados pela própria pessoa, que no mundo físico seriam seus altares, instrumentos de poder e lugares de meditação e oração. No mundo xamânico a pessoa também pode criar o seu ponto de força, e ali conversar com guias, mentores e seu animal de poder. Se houver um lugar, onde você sinto em paz,  onde você sente sua alma se restaurar, então esse seu local sagrado seja ou não reconhecido como tal por outros.  Se possível tenha um local sagrado perto da onde mora ou de onde  trabalha. Pois assim quando sentir que precisa recarregar suas energias e suas forças você tem um local onde pode se recarregar.
 Reconheça seu local sagrado e procure utiliza-lo  quantas vezes for possível para que ali você possa sentir a corrente da vida e se desconectar do mundo cotidiano. O propósito do  lugar sagrado é conectar se não só com o lugar, mas sim com a corrente da vida, e através dessa conexão perceber que estamos todos ligados e ao mesmo tempo vivendo uma individualidade consciente. Durante a procura por um lugar sagrado, a pessoa naturalmente é atraída pra lugares distantes da vida cotidiana, mas mesmo  em um local com grandes prédios existe um ponto onde você pode se concentrar na natureza, este pode ser um local pra você  interagir com o mundo natural, e isso ajuda na sua conexão e assimilação do local sagrado.
 Conecte se ao seu local sagrado e fortaleça cada vez mais seu poder!


Que o amor reine no seu coração!
Clovis Karuman

Nenhum comentário:

Postar um comentário